PUBLICIDADE

Ciclovia Novo Rio Pinheiros | Vedete das bikes

A ciclovia Novo Rio Pinheiros transformou a paisagem ao longo do rio e a rotina de muitos ciclistas, que agora pedalam em uma pista excelente, cercada de flores, cafeterias e obras de arte.

por Judite Scholtz

Ciclovia Novo Rio Pinheiros
Ciclovia Novo Rio Pinheiros

Depois que o governo do Estado transferiu a gestão da área para a iniciativa privada, em março de 2020, a Farah Service iniciou um trabalho de revitalização, que teve apoio do Banco Santander e da Sabesp. Para começar, além do recapeamento e da pintura da pista, foram retiradas as lombadas e se criaram bolsões para quem quiser esperar o amigo. Foram instaladas novas sinalizações, placas de orientação, banheiros e bebedouros. Toda a extensão da pista teve a vegetação das margens cortada e podada e, em alguns pontos, há jardins floridos e obras de arte. Entre as novidades estão também seis vending machines, chuveiros, cafeterias, lojas e até uma escola de bike, além de motociclistas da segurança que percorrem a ciclovia. O Espaço Santander é um lounge de convivência para descansar, carregar o celular, bater papo, conhecer outros ciclistas e, se necessário, calibrar os pneus. 

“Já temos um total de 110 mil ciclistas por mês, número esse que vem se expandindo, além de 68 mil na outra margem. São praticamente 180 mil ciclistas por mês. Eles estão vindo exatamente pela modernização, pela eficiência, pela segurança e pela limpeza do Rio Pinheiros. Ficamos muito felizes com esses resultados”, afirma o governador João Dória. “Sem onerar o Estado, estamos implementando novas áreas de lazer e esportes ao longo das margens do Pinheiros, que está sendo despoluído por meio de um grande projeto de saneamento básico, para que as pessoas ocupem esses espaços e tenham uma nova relação com o rio tão importante para a cidade de São Paulo”, completa Marcos Penido, secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Depois que o governo do Estado transferiu a gestão da área para a iniciativa privada, em março de 2020, a Farah Service iniciou um trabalho de revitalização, que teve apoio do Banco Santander e da Sabesp. Para começar, além do recapeamento e da pintura da pista, foram retiradas as lombadas e se criaram bolsões para quem quiser esperar o amigo. Foram instaladas novas sinalizações, placas de orientação, banheiros e bebedouros. Toda a extensão da pista teve a vegetação das margens cortada e podada e, em alguns pontos, há jardins floridos e obras de arte. Entre as novidades estão também seis vending machines, chuveiros, cafeterias, lojas e até uma escola de bike, além de motociclistas da segurança que percorrem a ciclovia. O Espaço Santander é um lounge de convivência para descansar, carregar o celular, bater papo, conhecer outros ciclistas e, se necessário, calibrar os pneus. 

“Já temos um total de 110 mil ciclistas por mês, número esse que vem se expandindo, além de 68 mil na outra margem. São praticamente 180 mil ciclistas por mês. Eles estão vindo exatamente pela modernização, pela eficiência, pela segurança e pela limpeza do Rio Pinheiros. Ficamos muito felizes com esses resultados”, afirma o governador João Dória. “Sem onerar o Estado, estamos implementando novas áreas de lazer e esportes ao longo das margens do Pinheiros, que está sendo despoluído por meio de um grande projeto de saneamento básico, para que as pessoas ocupem esses espaços e tenham uma nova relação com o rio tão importante para a cidade de São Paulo”, completa Marcos Penido, secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Aspas
“Frequento a ciclovia há muitos anos, e melhorou muito. Eu agradeço, porque é muito gostoso ter um lugar assim em São Paulo. A ciclovia é toda florida, gosto de ir, é bom para treinar e me sinto segura.”
Andrea Aidar
Andrea Aidar
“A ciclovia é o único lugar em que o ciclista vem em primeiro lugar! Minha única crítica é em relação ao piso pintado de vermelho, pois é muito liso e escorregadio, todo o restante é fantástico.”
“Na ciclovia, temos a sensação de não estar no Brasil. É uma experiência maravilhosa pedalar tendo jardins e gramados no entorno. Nosso grupo de ciclistas é muito grato por ter esse parque para praticarmos nosso esporte.”

compartilhe

PUBLICIDADE

Você pode gostar

“Bom-dia, vizinho”

E achei genial ser impresso, porque dá para pegar e exibir que você está lendo aQuadra na praça. Essa visibilidade pública cria identificação, aproxima as pessoas e, mesmo que você não vá puxar conversa

continuar lendo...
Cannabis para a saúde - Jornal aQuadra

Cannabis para a saúde

Em busca de encontrar medicamentos mais naturais, a fim de obter mais qualidade de vida da forma mais natural possível, Carolina Croso Mazzuco se formou em Farmácia. Agora, aos 30 anos, representa no Brasil a Q2 Clinic, empresa de origem inglesa com atuação na América Latina. “Essa empresa representa exatamente o que eu buscava. É um tratamento natural à base de cannabis medicinal que abrange diversos sintomas, com atendimento humanizado e personalizado.”

continuar lendo...

Novidades & tendências

Rotas da brincadeira da Amarelinha pintadas nas praças. Rosangela Lyra, fundadora da Associação Comercial dos Jardins e do Itaim. Pinturas sobre o cotidiano, do artista Sergio
Spalter.

continuar lendo...

Assine nossa newsletter!

Receba avisos sobre novos artigos e novas edições do jornal.